Depois de um tempo,
depois de reorganizar minha vida...

Reformulando o Blog...

Como deixar de lado por tanto tempo minha maior paixão?

Escrever!!!!





terça-feira, 9 de agosto de 2011

Estou cansada...

Gente... é a primeira vez que escrevo direto no editor de textos do Blog. Que medo!!!
Assim, como já sabem estou numa correria só, por isso, passei hoje ao vivo para dizer que as coisas estão "literalmente" se encaminhando.
O Anderson (tadinho!) está indo trabalhar de ônibus, para que eu possa ficar com o carro e fazer a mudança estilo "formiguinha", eu estou fazendo todo o resto: to cansada!!!
Então por conta de que ainda tenho que ir na fruteira, no açougue, carregar o carro, encaixotar mais coisas e buscar a Malu, hoje só um poeminha que recebi por e-mail e achei a cara do "meu momento"!
Beijos e muitas saudades!

Casa Arrumada
Carlos Drummond de Andrade
Casa arrumada é assim:
Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação
e uma boa entrada de luz.

Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.

Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, afofando as almofadas…
Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo:
Aqui tem vida…

Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e os enfeites brincam de trocar de lugar.

Casa com vida tem fogão gasto pelo uso,
pelo abuso das refeições fartas,
que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.
Sofá sem mancha?
Tapete sem fio puxado?
Mesa sem marca de copo?
Tá na cara que é casa sem festa.

E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.
Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.

Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante, passaporte e vela de aniversário, tudo junto…
Casa com vida é aquela em que a gente entra
e se sente bem-vinda.

A que está sempre pronta pros amigos, filhos…
Netos, pros vizinhos…
E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brinca ou namora a qualquer hora do dia.

Casa com vida é aquela que a gente arruma
pra ficar com a cara da gente.
Arrume a sua casa todos os dias…

Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela…
E reconhecer nela o seu lugar.

4 comentários:

Anônimo disse...

"Tadinho" só por que tá andando de onibus?!! Morro de pena é de ti, tendo que fazer uma mudança toda sozinha, mais a Malu, e todas as outras coisas...my God! Vai perder um kilos nessa coreria hein?Beijos "força na peruca" guria. Silvia

Anônimo disse...

Legal, vai arrumando. Depois de tudo arrumadinho a gente vai. Beijos! Titios baiúchos.

Anônimo disse...

Nossa, que emoção, parece que consegui postar. Beijos da tia Luci.

cantinho de Jake croche disse...

Força aí amiga!!!Estou na torcida por ti!!
E que poema hein???? Vi minha casa nele,e sabe que é verdade!!!!!
De que adianta tudo na mais perfeita ordem se não sobra tempo pra desfrutarmos nossos momento em nossa casa.
Muito legal amiga!!!!Me deu um novo ânimo!!